Follow by Email

segunda-feira, 1 de fevereiro de 2016

Ainda sobre amamentação...

Aqui as postagens vão em etapas e pela primeira vez vai via celular, então bem provável que tenha vários erros de digitação, mas ta valendo!
Ainda sobre amamentação, apesar de muita gente ter me irritado com pitacos, devo meus agradecimentos à algumas pessoas que sim, quiseram verdadeiramente me ajudar, algumas até divergimos em algumas idéias, mas sei que me respeitam, todos os conselhos, posts e conversas foram de coração.
Muita gente que nem conheço me disse cada absurdo! Mas pior são os conhecidos que ficam meses, até anos sem nem perguntar se você está bem mas se acha no direito de falar o que bem entende!
Primeiro agradeço ao meu marido, que me aguentou quase louca, me viu chorar de desespero, me viu tentar, e me apoiou em todas as decisões!
 Minha cunhada Marli, foi quem me acolheu nos primeiros dias, mas é pra onde corro quando tendo medos e dúvidas, ela amamentou meus dois sobrinhos, me incentivou pra caramba, mas foi meu ombro amigo no dia que eu vi que não ia mais conseguir.
A Priscila, minha amiga, Manicure e consultora de assuntos aleatórios e principalmente mãe de 4, pelos conselhos, por emprestar os ouvidos e também pelo apoio quando me achei "Menas" mãe!
Agradeço a Carol Coimbra (que tem um blog show "Mãe aos 24"), que desde o nascimento do Renan me deu muitos conselhos, mandou receitinhas de leite quando o Renan teve alergia, que sendo uma super defensora da amamentação nunca me apontou o dedo, muito pelo contrário ela tá sempre disponível pra qualquer assunto sobre maternidade, pesquisa pra caramba e agora ta gravidinha do segundo baby (Cibele, espero que seja C mesmo kkkk, memória não anda boa!).
Agradeço também a Bila que passou horas conversando comigo quando o Renan nasceu e foi quem me acalmou quando vi que o bicho tava pegando!
E por último mas não menos importante, a Evelyn que me indicou um grupo virtual sobre amamentação, conversou muito comigo me incentivando, e mesmo sendo super atarefada de ofereceu até pra ir me ver, e tentar me ajudar.
Cada uma dessas pessoas, com pequenos gestos me ajudaram, me acalmaram e perderam um pouco do precioso tempo comigo!
Eu agradeço de todo meu coração!!!!!! Muito obrigada mesmo!
Amanhã meu pequeno faz 3 meses e se tudo der certo e o tempo ajudar tem post novo!

E de novo a bendita amamentação....

que não rolou....
Dessa vez comprei concha de preparação do bico, fiz massagem, passei bucha, rezei pra Santo e fiz promessa, mas nem assim...
No hospital tentei o bico de silicone, sem bico, todas as posições possíveis (não tentei de cabeça pra baixo, mas algo me diz que também não ia dar certo), e a coisa toda não rolava.
Mas mesmo sabendo de todos os perrengues com o Renan, não desanimei, afinal de contas cada filho é um filho, respirava fundo, e fui tentando, e fazendo um mega esforço pra não pensar que ele podia não mamar também, mas o fantasma da hipoglicemia ficou me rondando, e o pavor de passar tudo de novo, foi ganhando força.
Saímos 3 dias depois do hospital, onde praticamente todas as enfermeiras foram anjos, super me ajudaram e apoiaram mesmo ele não querendo colaborar, apenas uma que me deu vontade de socar a cabeça dela na parede, porque perdeu a paciência pelas minhas tentativas, mas cacilda, o bebê não tem que mamar? Chegando em casa, na verdade casa da cunhada que foi meu anjo da guarda nos primeiros dias, não tinha peito, não tinha bico de silicone, e o Henrique berraaaaaaaaaaaaaaaaaaava, contei até 10 umas milhões de vezes e prometi não desistir.
Escutei e li aquela história toda que bico não precisa ser preparado, que não tem mãe que não consegue amamentar, e de novo me culpei, me senti uma porcaria de mãe, e chorei.... chorei.... e chorei.... venci meu orgulho, mandei a pqp todo mundo que ia pensar e falar merda, e sim, dei fórmula e na mamadeira!!!!
Dei sem medo de me julgarem, porque tem hora que você tem que ignorar o mundo, mas nem por isso desisti de amamentar, um pouco mais calma e sabendo que o Henrique já não ia estar desesperado de fome fui tentando, mas nem assim consegui.
Tentei bombinha pra puxar, fiquei mais de uma hora puxando e saiu míseros 10 ml de colostro kkkkk.
E o bendito do leite que não descia, mas qualquer gotinha que saia, eu garantia pro Henrique, enquanto saísse qualquer coisa, era dele! Até que vi que o leite não desceu, quase não saia mais colostro, simplesmente parou... nem sabia que podia acontecer isso, e dessa vez não precisei nem de remédio pra secar... um dia nada mais saiu, e eu desisti de novo...
E pela segunda vez não consegui amamentar meu filho, mais uma vez a frustação veio, mais uma vez fui julgada e sacrificada por muita gente, e mais uma vez eu tive que botar na cabeça eu estava fazendo o que achei ser melhor no momento.
Já perdi a conta de quantas vezes ouvi, coitadinho, que judiação, como se eu tivesse não amamentado por opção, juro que tem hora que queria ter super cola, pra por na boca e nos dedos de quem julga, mas enfim, agora já foi, passou, Henrique é lindo, está forte e saudável, ganhando peso dentro do esperado (nem mais nem menos), é tão sorridente quanto o irmão era, bola pra frente que agora tem muito chão pela frente e ficar remoendo o que não deu, simplesmente não vai me ajudar em nada.
Amanhã ele completa 3 meses, mama 150 ml de formula mais ou menos a cada 3 horas, e pelo jeito logo vou ter que aumentar porque o rapaz é bom de boca.

quinta-feira, 28 de janeiro de 2016

Parto do Henrique (baby Puga 2)

Bom, Renan nasceu com praticamente 39 semanas de cesárea agendada, por minha opção,  o mesmo aconteceria com o Henrique (mesmo o mundo e o médico tentando me convencer do parto normal), nem por 1 min eu pensei nessa possibilidade, porque sou uma cagona mesmo, e não tem outra explicação, simples assim.
Até cogitei no início da gravidez esperar a bolsa romber, massssss eu e o Renato achamos melhor não arriscar, kkkkkk, como somos inocentes, como se pudessemos controlar isso!!!! A principio Henrique tinha DPP para 16/11, que mudou para 09/11, até porque eu estava enooorme, com pressão alta, passando mal de calor, rezando pros últimos dias passarem voando!
A mala do pequeno estava arrumada, mas sem pressa pra arrumar a minha porque afinal de contas, ele nasceria dia 09/11. Fui no pré natal na 5a. dia 29/10, colo do utero fechadinho, Henrique parecia estar colaborando.
Deixei tudo pra fazer na que seria, teoricamente, a última semana: depilação, unha, minha mala, lavar o carro e o carrinho de bebê, e outras coisinhas.
Domingo dia 01/11, véspera de finados, recebi a visita de uma grande amiga que mora em SP, fomos pra casa da minha mãe, fiz almoço, conversamos, saímos pra tomar sorvete, brinquei com o filho dela lindo, tudo dentro da normalidade. Na janta, ainda estavámos nos meus pais, pedimos uma pizza pra facilitar a vida, e chegamos em casa umas 22 hs.
Naquele dia a minha disposição era impressionante, não parei um minuto! Quando cheguei em casa, assisti "The walking dead" minha série favorita no momento, até próximo da meia noite, onde achamos que era mais que hora de dormir, já que o Renato trabalharia no feriado, e quase não havia descansado no domingo.
Tudo certo, até que.....
01:40 hs sinto vontade de fazer xixi, troquei de lado na cama com o Renato pra ficar mais fácil de levantar com a super pança, porém a força pra sair da cama era inevitável, e naquele momento pensei, caramba, por isso que as bolsas estouram de madrugada porque só a força pra sair da cama, já colabora .... eis que levanto, e sai aquela enxurrada!
Oi? Pode isso produção?
Xixi? Tudo isso de xixi?
Bolsa??? Meeeeedo
Marido acordou, como saber o que era? Google, claro!
Até que lemos que tinha um cheiro estranho, senti cheiro de nada, e ja começou a vergonha achando que tinha feito xixi...
Na dúvida, liguei pra cunhada, lá no SUL kkk, tinha ido pra um casório (isso porque um dia antes me mandou mensagem pra confirmar que eu tava bem e que o bebê ia esperar todo mundo voltar), ela não lembrava de cheiro e me aconselhou ir pro hospital.
Dúvida...
Ir ou não ir?
Tomei banho e troquei de pijama, e resolvi deitar, achei que não tinha segurado o xixi...
Até que veio a crise de choro, o medo, a ansiedade tudo junto e misturado, meu marido achou melhor ir pro hospital, vai que né?!
Detalhe, lembra que não tinha feito a minha mala??? Pois é.... Lembra que tinha feito a do Henrique? ... mas deixei em Paulínia, tuuuuudo pra ajudar, mas calma, ainda podia ser xixi...
Fiz uma malinha mais ou menos, peguei o unico pijama que tinha de botão... a lembrancinha da maternidade, apenas por desencargo de consciência (porque era xixi), e o Renan, bora pro hospital!
Cheguei lá com o bendito xixi escorrendo pelas pernas, caramba, não lembrava de ter bebido tanto líquido assim..
Na porta do hospital a ficha caiu, não, não era xixi, era a bolsa mesmo, e como descobri? Porque as contrações começaram!
Médico plantonista confirmou que era bolsa, corre fazer exame de HIV, exame pra ver batimentos do bebê, e eu literalmente "vazando" .
Pra minha sorte meu médico entraria no próximo plantão as 7, o Henrique tinha que esperar até lá, parto normal pra mim, só se eu espirrasse e ele nascesse!
Fui pro quarto, tomei outro banho, enrolei um lençol e esperei, enquanto isso, Renato foi buscar a mala do Henrique em Paulínia, deixar o Renan na minha sogra pra dar tempo de voltar pro parto!
As 7 em ponto, em pleno feriado de finados, meu médico avisa que chegou e que já vai me mandar pro centro cirúrgico, senti um alívio enorme, o show ia começar!
Renato chegou correndo, fotografo também, tudo no jeito, tomei 3 picadas pra pegar a anestesia porque por conta da pressão alta estava com inchaços que dificultaram, mas não sofri, sabia que uma hora ia pegar!
Eis que as 8:30, meu pequeno grande Henrique chegou, apressado, sem querer esperar nada nem ninguém, com 46 cm e 2,750 Kg, meu pacotinho! A vida no dia dos mortos! A mais nova alegria da casa já estava em nossos braços!
No pós operatório já ficou comigo, mamou um pouquinho (drama da amamentação a parte, capitulo 2 kkkk), foi o sucesso das enfermeiras, só tinha eu e ele, qualquer resmungo já vinha uma pra acalmar.
No fim, graças a Deus deu tudo certo! Com um pouco de emoção é claro, mas afinal de contas que graça teria se fosse tudo como planejado né?




Eu quaaaaase fugi, mas decidi ficar

Pois é, praticamente 3 meses sem dar notícias, um milhão de fatores pra ajudar, mas os principais motivos, foi o meu gatinho lindo que nasceu e a falta de um computador kkk.
Vou tentar atualizar tudo o quanto antes, e provavelmente vai ter mais de uma postagem por dia, pra depois poder seguir direitinho.
Engraçado que lendo o blog agora eu vejo como os dois são parecidos em tudo, eu posso dizer que realmente aproveitei a forma! kkk

terça-feira, 27 de outubro de 2015

Eu voltei - 37 semanas

Que vergonha, mais de um mês sem postar nada, bem que dizem que no segundo tudo muda kkkk
Bom vou tentar resumir tudo que aconteceu neste periodo.
Descobri que não tenho diabetes gestacional porcaria nenhuma, a médica me assustou a toa e meu ginecologista me proibiu de voltar la, kkkkk, porém ganhei uma pressão alta, ou seja, troquei 6 por meia dúzia, mas ta valendo.
Semana retrasada tive que ir pro hospital por conta disso e fazer um monte de exames de sangue e um ultrassom pra saber se estava tudo bem com o Henrique, e graças a Deus tudo bem com meu pequeno.
O Chá de bebê foi uma delíca! Depois colocarei fotos, e neste final de semana fiz a festinha de 5 anos do Renan porque ia fazer dia 7 de novembro porem deixei meio que marcado a cesarea pro dia 9, achei melhor não arriscar. Foi só pra família mesmo, porque sem condições de fazer pra mais gente.
Estou oficialmente de licença desde o dia 13 de outubro, e foi a melhor coisa que fiz, porque a canseira estava demais! Montar as coisas pra festinha me consumiram, mas agora acho que consigo descansar um pouquinho. O problema é ficar sem fazer nada, não estou acostumada.
O Renan está na contagem regressiva pro nascimento do irmão, todos os dias acorda e me pergunta quantos dias faltam, uma graça, mas confesso que ando bem apreensiva pra saber como vai ser a hora em que estiverem cara a cara.
Montei a malinha da maternidade do Henrique ontem! Mais um pouco e ia pra lásem mala mesmo kkk, tentei lembrar tudo que usei com o Renan pra não levar nem demais nem de menos. Agora a minha mala são outros quinhentos, nem comecei, não fui atras de um pijama decente ainda, a meta é montar neste final de semana.
Confesso que nesta gravidez não curti tanto quanto a do Renan, acho que por conta dos enjoos, da correria, dos enroscos no caminho, mas agora, no finalzinho, tá tão diferente, uma ansiedade diferente, uma vontade de ver logo a carinha do Henrique, de cheirar a cria, de dar colo, de olhar nos olhinhos dele e dizer o quão bem vindo ele é!
Não tenho o sonho de que vai ser mais fácil, acho que terei muito menos tempo do que tinha, canseira em dobro, mas me sinto um pouco mais preparada, nem tudo vai ser novidade como no primeiro. Graças a Deus tenho um maridão que é super pai, já tem feito muito nos ultimos tempos, principalmente com relação ao Renan, pois queremos que as mudañças sejam uma passagem boa e não um tormento pra ele, tenho pessoas da família que me ajudaram e se disponibilizaram a continuar ajudando com tudo, posso dizer que sou abençoada!
Agora só falta mais duas semaninhas, bora correr atras do que falta e tentar descansar um "cadinho".

quinta-feira, 10 de setembro de 2015

Preparativos Chá de Bebê do Henrique e quartos novos

Quaaaaaaase esqueci, sabadão tem chá de bebê do Henrique!!!!
Finalmente saiu, mas com tanta coisa pra pensar, misericórdia, saiu no 45 minutos do segundo tempo.
Graças a Deus tenho amigas e cunhadas que não me deixam na mãos!
A decoração vai ser de ursinho marinheiro, vai ser tudo muito simples mas feito com carinho pra todos os convidados, pra dividir um momento importante com todos aqueles que são queridos.
Optei por fazer pra homens e mulheres, e nada de brincadeiras! Se bem que hoje em dia tem umas brincadeiras bem bacanas! Mas confesso que não ando no pique pra isso, qualquer mínima caminhada me esgota (quem mandou não fazer atividades física dona Solange????), então já estou imaginando a canseira que vai ser sábado, mas sabe que festa é festa né?! kkkk a gente arruma ânimo das profundezas!
Ainda tem muita coisa pra fazer, o que dava pra ser encomendado já foi, mas ainda tenho que terminar as lembrancinhas que eu mesma resolvi fazer (por queeeee?????), os docinhos, a carne pro lanchinho, os lanchinhos, e achar uma roupa decente. Olha esse lance de roupa e beleza rende um post a parte! To achando apenas a minha barriga linda, porque o restante, ta deprimente!
Claro que pra dar conta de tudo, tive que pedir o dia de folga amanhã, senão aí que não ia sair nada mesmo!
Tirando toda a correria do Chá, papai está pintando e fazendo os móveis do quarto novo do Renan, porque afinal de contas agora ele é "Moço" e precisa de um quarto no estilo dele, e o antigo que é de "Bebê" ele sutilmente cedeu ao irmão Henrique.
Pensa num menino animado! Ajudou o pai a pintar, não deixa ele mexer em NADA se não estiver junto, vibra com cada coisinha! Semana que vem chegam as camas novas (vão ser duas bicamas), e com isso Renan vai poder receber amigos  e visitas pra dormir no quarto dele.
A casa ta uma zona, mas é tão gostoso quando tudo vai indo pro seu devido lugar! Papai caprichou nos móveis, tudo muito bonito, de bom gosto e muitíssimo bem feito, papai marceneiro é tudo de bom!
Assim que o quarto estiver pronto eu coloco fotos!
De qualquer forma segue uma com o super guarda roupa do meu "Moço"



Resultados de exames e consultas

Semana passada saíram os resultados dos meus exames, bem.... foi meio catastrófico kkkk.
Deu vitamina B12 e D super baixas, anemia, alteração da tireóide e princípio de diabetes gestacional (oi???)
Pois é!!! Só tudo isso!
No dia da consulta com a endócrino sai de lá aos prantos porque sei que tudo depende de mim, exclusivamente de mim e fui relaxada, não controlei a alimentação, e com isso não estou ME prejudicando, mas prejudicando o Henrique que pode vir a sofrer as consequências.
Chorei, chorei, chorei, praticamente o dia todo, era só lembrar que choraaaaaava, massss chorar não muda nada, o que muda é tomar as atitudes certas.
Comecei a fazer o controle da glicemia, que até agora deu tudo lindamente dentro do esperado, nada de alterações absurdas, desconfio que ao fazer o exame da curva glicêmica numa segunda eu me ferrei porque devo ter enfiado o pé na jaca no final de semana e isso refletiu, de qualquer forma, boca fechada daqui pra frente, melhor prevenir do que não ter como remediar.
Ontem fui na nutricionista, ela mudou várias coisinhas na alimentação, mas por incrível que pareça posso comer bastante, aliás devo, só que logicamente com muito mais qualidade, então bora começar.
Só de cortar os doces e os litros de suco/refrigerante já senti bastante diferença, mas quero seguir certinho pra não me arrepender em nada depois.
E hoje é dia de ultrassom e consulta com o GO, to contando cada minutinho pra ver meu pequeno. Era pra eu ter ido na 3a. (anteontem) mas caiu um temporal tão feio aqui na região, que fui obrigada a remarcar porque não tinha nem condições, ficou tudo parecendo cena de filme, muita casa destelhada, postes e árvores caídos, céu preto, assustador! Mas hoje vai ! To super curiosa pra saber o tamanho, e seu pequeno está bem! Logo posto as novidades.